Arquivos

Novembro 2012

Dezembro 2011

Janeiro 2011

Novembro 2010

Abril 2010

Março 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Março 2007

Twitter Feed


follow davidfonseca at http://twitter.com
Segunda-feira, 4 de Fevereiro de 2008

On The Road: Setúbal



O Teatro Luisa Todi é um dos maiores onde estivemos até agora, mas nada que assustasse uma banda em plena euforia a meio da digressão. Esta noite gerou alguns dos melhores momentos desta digressão e a receptividade foi incrível, com um público atento e conhecedor das canções antigas e novas.

Algumas imagens deste dia:



Gosto das várias formas que cada camarim assume em cada teatro por onde passamos. Agrada-me a ideia de terem passado por ali músicos, actores, artistas de todas as áreas que se enervaram e prepararam para entrar em palco nestes espaços. Eu sou mais um a acrescentar alguma vida momentânea ao espaço, mesmo que acompanhado do acessório mais nerd de todos.



Felizmente, a nerdness afecta-nos a todos e dá algumas imagens bem interessantes. Aqui o nosso teclista Paulo descontrai durante o soundcheck da Miss Redshoes.



Que fazia eu de laço a 15 minutos do início do concerto? Respostas num concerto perto de si.



No dia seguinte, olhei para o teatro da janela do meu quarto antes de sair para Vila Real. Quem diria que todas aquelas coisas se tinham passado ali dentro apenas umas horas atrás?



Entre viagens e sonos curtos, alguns momentos de descontracção com a primeira série de "Flight of the Conchords", uma dupla estranha de músicos neo-zelandeses à solta em Nova-Iorque.
davidfonseca às 17:12
link
23 comentários:
De Irina Ferreira a 5 de Fevereiro de 2008 às 14:09
"Que fazia eu de laço a 15 minutos do in ício do concerto? Respostas num concerto perto de si."

Quem me dera saber a resposta a essa questão. Significava que já te tinha visto ao vivo durante esta digressão. Infelizmente, não. Estive em Portugal pelo Natal e ainda pensei ir ver-te a Guimarães (dia 28 de Dezembro) mas não pude mesmo. Ficou-me o gosto amargo da desilusão e muita pena por perder (mais) uma oportunidade de te ver ao vivo
[Error: Irreparable invalid markup ('<br [...] <a>') in entry. Owner must fix manually. Raw contents below.]

"Que fazia eu de laço a 15 minutos do in ício do concerto? Respostas num concerto perto de si." <BR><BR>Quem me dera saber a resposta a essa questão. Significava que já te tinha visto ao vivo durante esta digressão. Infelizmente, não. Estive em Portugal pelo Natal e ainda pensei ir ver-te a Guimarães (dia 28 de Dezembro) mas não pude mesmo. Ficou-me o gosto amargo da desilusão e muita pena por perder (mais) uma oportunidade de te ver ao vivo <BR><BR class=incorrect <a name="incorrect">Dreams</A> in Colour " é um excelente trabalho, um disco cheio de canções lindas e melódicas - tirando algumas, como This Raging Light ", que ainda soam ásperas e um pouco sombrias - que me tem feito companhia aqui no Luxemburgo. Até o meu namorado que não se considerava um grande fã teu anda doido com o disco e não se cansa de ouvir Kiss me Oh Kiss me"! :) <BR><BR>Só espero que actues no distrito de Leiria durante o mês de Março - vou estar em Portugal durante uma semana, até ao dia 8 - e adorava poder ver-te em concerto. És o meu melhor elixir! <BR><BR>Desejo (e tenho a certeza) que encontrarás muitas salas esgotadas pelo país fora, repletas de fãs que, tal como eu, se sentem em comunhão com a tua música. <BR><BR>Rock on , David! <BR><BR class=incorrect <a name="incorrect">P.S.-</A> /A&gt; Rocket Man " ao vivo deve ser uma bomba! O videoclip está excelente! <BR>
De Carolina a 5 de Fevereiro de 2008 às 13:45
Olá David!
Já tive oportunidade de dar a minha opinião sobre o concerto em Setúbal no hi5, mas faço-o aqui também! :)
Adorei, foi sem dúvida um grande concerto. Eu já imagina que os teus concertos fossem bons, mas assim tanto estava longe da minha imaginação. Só o facto de interagires daquela forma connosco, o público, nos leva a sentir que estamos mesmo numa sala de estar, das nossas casas, com um grupo de amigos :)
Estive lá na 1ª fila do balcão, bem ao meio, com muita pena de não ter bilhete para a 1ª fila da plateia =P
No fim não tive oportunidade de te encontrar, mas estou com esperança de ir ver-te a Sesimbra, a ver vamos... :)
Beijinhos e obrigada pelo excelente concerto!

P.S.: Ah, a Rita Redshoes surpreendeu-me muito pela positiva. Espero que consiga ter muito sucesso em Portugal e não só :)
De André F.M. a 5 de Fevereiro de 2008 às 11:06
Concerto fantástico! Quem não conhecia as prestações do David em palco deve ter ficado perplexo com o que se passou no Fórum Luísa Todí.
Já estava na hora de cá voltar, pois desde 1997 que não havia um concerto assim cá por Setúbal.
De Andre Freitas a 5 de Fevereiro de 2008 às 02:29
Eu também estive lá, na terceira fila. Vou roubar as palavras de alguém que também já comentou...foi um sonho tornado realizado...ainda sou do tempo em que era miúdo e pegava na cassete dos silence four e ouvia-a de trás para a frente. Após longos anos, a ver a tua evolução musical, a deliciar-me com os teus cds e de oportunidades desperdiçadas de ver um concerto teu ao vivo, recebi uma mensagem no telemóvel a perguntar " queres vir ver o david fonseca ao vivo em Setúbal?".Bem foi um convite irrecusável mesmo para um portuense como eu que está a 360 quilómetros de Setúbal, 4 horas de viagem...Mas tudo isso valeu a pena após o concerto...Foi tudo extraordinário, do princípio ao fim, foi como se estivesse noutro mundo...Ouvir musicas do primeiro ,segundo e ultimo álbum foi fantástico...muitas das musicas marcaram etapas da minha vida e foi um relembrar de tudo...a minha surpresa foi a interactividade, a simpatia, o á vontade demonstrado...nunca mais me vou esquecer do grande Carlos e a sua sabedoria musical na bomba de gasolina...e também do grande senhor que te safou por seres de Leiria, ou seja do meio, porque se fosses do porto não te curtia( quem esteve lá sabe do que falo :)) . e ficar no inicio do concerto a 3 metros de ti a ouvir a abertura do concerto foi...como hei-de dizer...bem aproveitem o resto da tourneé e vejam por vós mesmos.Só esperava que tocasses a "Haunted home" que é a minha música favorita...é linda linda linda e nao canso de o dizer...mas não se pode ter tudo. Talvez da próxima tenha essa sorte :) Abraços grandes e continuação de grandes espectáculos como o de Setúbal e de uma carreira brilhante como a tua...Faltam mais artistas como tu neste pais mas acho que já és uma inspiração para muita gente.

Ps: Espero que cá venhas de novo á queima das fitas este ano no Porto, que marco bilhete para a primeira fila :P

Ah ja me esquecia da "miss redshoes". Quando vi no cartaz que ia abrir o concerto, para ser franco achei que não ia achar muita piada, ou que ia ser uma seca...mas fiquei encantado não só pela beleza mas também pela música demonstrada por ela...gostei muito e espero sinceramente que dêem valor a esta senhora que está agora a começar porque este país infelizmente tem a mania de não apoiar quem merece e que realmente se esforça...Aqui ficam também os meus mais sinceros parabéns para ela

(desculpem o testamento mas é o acumular de anos e anos :P)
De Rute a 5 de Fevereiro de 2008 às 00:18
Eu estive lá, na segunda fila e no fim do concerto não tinha voz! It was a dream come true. A Rita encantou-me tal qual uma sereia. Adoro a teatralidade dela a cantar. E aquela voz...O teu começo foi de cortar a respiração, a escolha musical foi a correcta. A tua simpatia conquistou quem lá estava. Tens jeito para stand-up comedy,lol. Emocionei-me com " Adeus, não afastes os teus olhos dos meus". Bem conseguido a nível das imagens projectadas. Tudo perfeito! Faltaram duas músicas que eu adoro: Cold heart e I can see the world... mas não se pode ouvir tudo, lol. A música é mesmo para ser ouvida mas serve também para que consigamos ver as cores do mundo dos sons. Parabéns! Vai ficar para sempre na minha memória! Agora vou ter todos os meus alunos a perguntar como foi...! Eles quando me querem dar graxa falam de ti e das tuas músicas. É o que dá ser uma fan assumida. Boa sorte para o que falta!
De Joana a 4 de Fevereiro de 2008 às 22:43
ah e uma coisa muito importante: Recomenda-se!
De Joana a 4 de Fevereiro de 2008 às 22:37
EU ESTIVE LÁ!!

sem duvida, um excelente concerto

é bom qd os artistas se preocupam em falar com o publico e tu sem duvida fizeste isso!

ah e eu sou a miuda q estava a acompanhar aquela rapariga de 1,83 q estava desesperadamente a tentar convencer-te a tocar no baile da Secundaria Sebastiao da Gama


e td porquê? "porque a musica é para ser ouvida!"

De Marta a 4 de Fevereiro de 2008 às 22:31
O pormenor do laço está tão giro! :P Agora fico curiosa... mal posso esperar por marcar presença num concerto e ver as surpresas que nos preparas! :)

E... o que seria de nós sem um pouco de nerdness na vida? :P

Beijinhos!
De arya bodhisattva a 4 de Fevereiro de 2008 às 21:56
Estive na 2ª fila. E adorei cada segundo.
Durante 2 horas a única coisa que existiu no mundo foram as músicas que adoro ouvir. O que é precioso.
Obrigada.
(^^)
De Au a 4 de Fevereiro de 2008 às 21:44
A ouvir Redshoes, a repetir Flight of the conchords, Business Time, e a admirar um belo laço azul! Dia 16 poderia voltar atrás no tempo em tempo real. Sentir a tua sombra, cheirar a tua música, deixar de existir uns tempos. Poderia... E daí talvez não.

Comentar post